shadow

A Corrida do Milhão ainda tem rendido assunto mesmo após a bandeira quadriculada. Por acidentes causados na prova realizada no domingo em Interlagos, Felipe Fraga e Felipe Lapenna receberam 20s de punição.
 

Na principal prova da temporada da Stock Car, o representante da Cimed vinha escalando o pelotão após largar em 14º. Em determinado momento acabou acertando Diego Nunes, danificando o carro do adversário. Então, os comissários entenderam que o lance foi antidesportivo e aplicaram a punição e, com isso, terminou como o 12º.
 

Procurada pelo GRANDE PRÊMIO, a assessoria da equipe confirmou a informação, mas informou que o time já recorreu da punição, alegando que não existem imagens de TV que mostrem o ocorrido.

O estado da peça danificada no carro de Diego Nunes (Foto: Reprodução)

Já o representante da KTF Sports, também falando ao GP, explicou que a atitude contra o campeão de 2016 foi tomada por conta de entendimento dos comissários de que o toque prejudicou a prova de Diego.
 

Enquanto isso, Lapenna se envolveu em um incidente com Marcel Coletta já no final da prova. O #110 foi tentar ultrapassar o jovem competidor, tocando em sua traseira e o fazendo rodar. Isso também resultou em um acréscimo de 20s, encerrando a prova em 23º.
 

 


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

Fonte Oficial: Grande Prêmio

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do KartSP.

Comentários